Desde seu surgimento, a tecnologia Connected TV (CTV) transformou a maneira como experimentamos o entretenimento, e os esportes não são exceção.

Neste artigo, exploraremos como a CTV está moldando o futuro de como disfrutamos e consumimos eventos esportivos.

O impacto de CTV no consumo de esportes

A tecnologia Connected TV oferece uma experiência mais imersiva e personalizada para os fãs de esportes. Sua capacidade de transmitir eventos em tempo real, acessar repetições instantâneas e desfrutar de conteúdo adicional enriquece a experiência do espectador. 

Além disso, a publicidade direcionada permite que os anunciantes alcancem audiências específicas, criando oportunidades inovadoras para patrocínios e monetização.

O conteúdo esportivo gera a maior audiência e os níveis mais profundos de envolvimento em todas as plataformas. Dados recentes da Nielsen mostram que a transmissão esportiva aumentou 360% apenas em setembro de 2023, indicando que as redes esportivas ganharam audiência pelo segundo mês consecutivo nos Estados Unidos.

O comportamento da audiência em setembro nos EUA foi notavelmente único devido às mudanças em sua composição. Vejamos:

  • O número de telespectadores de 18 a 49 anos aumentou 35%.
  • O número de telespectadores de 25 a 54 anos aumentou quase 33%.
  • O número de telespectadores entre 12 e 17 anos aumentou 26%.

A mudança para o consumo de esportes por meio da CTV tem sido significativa em termos de participação e satisfação do espectador.

Por exemplo, a ESPN declara uma receita anual de 10,3 bilhões de dólares, a mais alta de todas as plataformas esportivas.

Plataformas se adaptam à transmissão de esportes

O crescimento da Televisão Conectada (CTV) democratizou e equilibrou o terreno para as marcas que buscam se conectar com a desejada audiência dos fãs de esportes.

Nos últimos dois anos, líderes da indústria tecnológica avançaram significativamente na aquisição de direitos esportivos, fortalecendo assim suas plataformas de vídeo e streaming.

Em 2021, a Amazon adquiriu os direitos do Thursday Night Football, marcando a temporada de 2022 da NFL como a primeira a ser transmitida ao vivo pelo Prime Video. A AppleTV+, por sua vez, começou a transmitir os jogos de beisebol nas noites de sexta-feira no ano passado.

Este ano, com a Copa do Mundo Feminina, o FIFA+ se tornou um centro global para o futebol, alinhado ao aumento da audiência dos esportes femininos. A FIFA fez um acordo de transmissão com as cinco principais redes europeias, garantindo que os jogos estariam disponíveis nos canais abertos.

Por sua vez, no Brasil, a Copa do Brasil possui contrato com a Amazon Prime Video para transmissão da competição até 2026. Além disso, em 2023, algo particular ocorreu nas finais da competição. Foram disponibilizadas duas possibilidades de narração: Cleber Machado, para os fãs mais tradicionais, e Rômulo Mendonça, para aqueles que apostam na emoção e são familiarizados com esportes norte-americanos, algo que só é possível de ser feito em plataformas digitais.

Esta mudança estratégica destaca a crescente importância das gigantes tecnológicas na cena esportiva e sua influência na evolução do entretenimento esportivo online.

consumo-esporte-ctv

À medida que a conectividade e a acessibilidade continuam evoluindo, espera-se que a adoção completa da CTV nos esportes aumente nos próximos anos. Estima-se que até 2025, mais de 80% dos consumidores de esportes optarão pela CTV em relação aos métodos de transmissão convencionais.

O valor agregado de CTV na experiência esportiva

A adoção da CTV não apenas mudou a forma como consumimos esportes, mas também, transformou a experiência de consumo, como um todo. Hoje, os usuários podem:

  • Personalizar suas transmissões.
  • Acessar conteúdo exclusivo por trás das cenas.
  • Participar de pesquisas interativas durante os eventos.

Um caso interessante foi a Copa do Mundo Feminina de 2023, que deixou lições interessantes: os fãs, especialmente os mais jovens, querem seguir o esporte feminino, mas para isso, precisam de mais informações sobre as jogadoras, ligas e temporadas. É necessário um acesso mais fácil aos próprios jogos, especialmente às transmissões ao vivo.

Como CTV se tornou a próxima fronteira da publicidade em esportes ao vivo?

A experiência de transmitir eventos esportivos evoluiu: hoje, os consumidores podem assistir à diferentes transmissões esportivas diretamente da sala de estar da sua casa, porém sem necessitar contar com mídias tradicionais, uma vez que o cardápio em CTV oferece diferentes possibilidades em um mesmo lugar. Isso se tornou possível graças aos significativos acordos de direitos obtidos por empresas de mídia digital.

Em junho, a Apple e a MLS assinaram um acordo de 10 anos e 2,5 bilhões de dólares para transmitir todos os jogos da liga, Copa US Open e Leagues Cup. Uma jogada arriscada que conseguiram sustentar com a chegada de Messi à plataforma, alcançando um negócio muito lucrativo para a empresa da maçã.

Apple-Tv-Messi-MLS

Nesse contexto, a publicidade em CTV ganha espaço, uma vez que permite que os anunciantes alcancem audiências específicas, eliminando o desperdício de impressões e maximizando a efetividade das campanhas.

Tendências relevantes no esporte na televisão - CTV

Com um crescimento estimado na adoção da CTV e a revolução na publicidade, estamos diante de uma nova era na forma como desfrutamos e participamos de eventos esportivos.

Diante da falta de novas produções roteirizadas a curto prazo, os esportes manterão sua posição como uma escolha fundamental para os espectadores, especialmente com o início das novas temporadas da NHL e da NBA em outubro. Ao contrário da NFL, os jogos da NHL e da NBA são transmitidos tanto em canais abertos quanto a cabo, o que possivelmente impactará o comportamento da audiência no próximo mês.

À medida que avançamos para o futuro, as inovações no esporte televisado por meio da CTV continuarão nos surpreendendo. Desde a integração de realidade virtual até experiências de transmissão em 3D, o horizonte do esporte televisado está cheio de emocionantes possibilidades.

Por outro lado, a Inteligência Artificial já está sendo usada para criar simulações e modelos preditivos que permitem antecipar cenários e melhorar o planejamento estratégico, conforme indicado pelo "Relatório OBS: Sport-Tech, uma visão sobre o impacto da indústria".

A TV Conectada tem uma oportunidade valiosa de conectar marcas e audiência, que parece estar disposta a recompensar.

Se você quiser saber mais sobre CTV, pode entre em contato com um grupo de especialistas da Kivi.

Tags:
Kivi
Post by Kivi
Novembro 23, 2023

Comments